Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » DEPUTADO MARCO AURELIO SOLICITA INSTALAÇÃO DE DELEGACIA DE PROTEÇÃO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE EM IMPERATRIZ PARA ATENDIMENTO DA REGIÃO TOCANTINA


PINHEIROFOTO 11:42
O Deputado Prof. Marco Aurélio apresentou dia 12, na Assembleia Legislativa, indicação pleiteando a instalação de uma Delegacia de Proteção da Criança e do Adolescente em Imperatriz, para atendimento especializado de crianças e adolescentes na Região Tocantina.


A solicitação deu-se em virtude da onda crescente de crimes contra crianças e adolescentes e do fato desses casos não terem atendimento especializado, pois tem sido realizados pela Delegacia da Mulher ou mesmo pelas delegacias comuns.

A dificuldade do andamento dos inquéritos, bem como a falta de agentes especializados têm agravado o trauma das vítimas e têm sido reforço à impunidade. Ressalta-se também a dificuldade para apurar com excelência os crimes praticados pela internet, pois também não se têm aparato técnico especializado com dedicação integral à proteção da criança e do adolescente.

Segundo Marco Aurélio “esta delegacia deve ser um espaço para investigar crimes contra a criança ou adolescente e como essa situação tem sido frequente, tem atingido a população da região Tocantina, que já manifestou-se favorável, por intermédio dos movimentos sociais, Ministério Público, Vara da Infância, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, Conselho Tutelar e os poderes Legislativo e Executivo.” 

O parlamentar reforçou que relatou o problema ao Governador Flávio Dino, quando este esteve em Imperatriz, acompanhado do Secretário de Segurança, Dr. Jeferson Portela e do Delegado Geral da Policia Civil, o Dr. Augusto Barros Neto. Foi apresentada a gravidade da situação, devido à existência de inúmeros inquéritos que estão sendo investigados e que tem como vítimas crianças e adolescentes de toda região Tocantina.

Marco Aurélio disse na ocasião que: “uma criança que sofreu abusos não terá o atendimento apropriado e ficará exposta nas delegacias comuns, sem nenhum preparo para recebê-las. Ainda, a forma inadequada de coleta de depoimentos, faz com que estas crianças sintam-se constrangidas e em muitas situações, com a demora da conclusão dos inquéritos, acabem voltando atrás em seus depoimentos, descaracterizando o crime, pois muitas vezes o agressor e algoz se encontra no mesmo ambiente, o tornando ainda mais vulnerável. É necessário um local adequado para este atendimento, composto por uma equipe multidisciplinar que tenha como integrantes profissionais como psicólogos, assistentes sociais, entre outros”.

No seu discurso, o parlamentar reconhece a urgência da instalação de uma delegacia especializada, para que os inquéritos recebam o trato devido e também que seja resguardada a integridade das vítimas.


O deputado finalizou explicitando que “a polícia precisa de espaços, agentes e ferramentas necessárias para combater a criminalidade que tem acometido centenas de crianças e adolescentes na região e, se isso não se efetivar, fica humanamente impossível combater esses crimes tão frequentes em toda aquela região”.

Nenhum comentário

Leave a Reply