Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » Povoado Petrolina completa hoje 54 anos


PINHEIROFOTO 06:47

Imperatriz – Os moradores do povoado Petrolina, localizado na zona rural de Imperatriz [46 km da sede], comemoram neste sábado (11) 54 anos de fundação. A informação foi prestada à reportagem pelo vereador Francisco Rodrigues da Costa (PR), o Chiquim da Diferro.
Ele parabeniza a família Raimundo Gomes, uma das pioneiras a se instalar no povoado Petrolina, que celebra hoje com esperança e otimismo diversas conquistas que foram implantadas na localidade nestes últimos anos.
De acordo com a programação, a festividade começa às 7h com a celebração de missa na igreja católica; às 9h discurso das autoridades e sorteio de bingo ainda pela manhã. “À tarde teremos uma grande cavalgada, depois começa o churrasco e a noite uma grandiosa festa no clube Boladão”, disse.
Chiquim da Diferro aponta que nestes últimos anos viabilizou obras e serviços públicos à comunidade de Petrolina, inclusive a construção de uma praça pública, piçarramento e melhoria das ruas da localidade, e destaca a presença do secretário de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto.
“Vou solicitar ao nobre secretário que autorize a execução dos serviços de melhoramento das vias do povoado Petrolina, pois sabemos da importância dessa obra à comunidade local”, frisa ele, que convida os moradores das regiões circunvizinhas a participar das festividades de 54 anos do povoado Petrolina.
Asfaltamento – Ele também enalteceu o governo Flávio Dino por concluir os serviços de pavimentação asfáltica da “Estrada do Arroz”, obra que beneficiará milhares de moradores dos povoados e produtores rurais dos municípios de Cidelândia e Imperatriz.
“Temos solicitamos não somente o asfaltamento das principais ruas dos povoados, bem como a construção da estrada que liga o povoado Coquelândia à Praia do Imbiral, também conhecida a ‘Praia de Coquelândia’”, frisou.
Histórico - A formação da comunidade, iniciada em meados da década de 50, começou com a chegada das primeiras famílias, em Petrolina. Foi a partir desse trabalho pioneiro que a comunidade começou a ganhar formato de povoado, sendo atualmente uma das principais localidades da zona rural de Imperatriz. A área, que corresponde ao povoado, antes das primeiras famílias ou pessoas fixarem residência já era conhecida por camponeses que iam fazer suas roças.
Na época, os camponeses residentes em outros municípios vizinhos costumavam sair em busca de terras férteis e disponíveis, onde faziam roças em uma área e moravam em outra, na qual as terras já tinham proprietários que, muitas vezes, impediam o livre acesso aos demais moradores da localidade.
Na primeira metade da década de 60 foi construída uma escola pública para atender às centenas de crianças do ensino fundamental. Surgiu, organizada pelos próprios moradores, uma grande feira livre no povoado que atraía pessoas de outros municípios. Vários subprodutos do babaçu poderiam ser encontrados lá, como por exemplo, do artesanato a remédios e alimentos alternativos; da roça encontrava-se farinha, feijão, milho e uma infinidade de produtos alimentícios.
Para as famílias que viviam no povoado a vida era sossegada e boa, pois tinham tudo de que necessitavam; da roça e do coco era possível viver bem, apesar das muitas dificuldades estruturais como estradas, que inibiam o acesso a outras localidades para adquirir produtos que não era obtido na roça. Remédios farmacêuticos eram alguns deles. No início dos anos 70 foi construída a “Estrada do Arroz” via de acesso interligando os municípios de Imperatriz a Cidelândia.

2 comentários Povoado Petrolina completa hoje 54 anos

  1. Amoooo esse pequeno lugar...mas com um povo de coração grande...um lugar aconchegante...nessa escolinha estudei....foi minha primeira escola...tenho muito orgulho de fazer parte desse lugar...meus avós José Inácio Filho e Maria José Conceição foram um dos pioneiros nesse povoado e meu avô foi o primeiro delegado....nossa muitas lembranças boas...

    ResponderExcluir
  2. Amoooo esse pequeno lugar...mas com um povo de coração grande...um lugar aconchegante...nessa escolinha estudei....foi minha primeira escola...tenho muito orgulho de fazer parte desse lugar...meus avós José Inácio Filho e Maria José Conceição foram um dos pioneiros nesse povoado e meu avô foi o primeiro delegado....nossa muitas lembranças boas...

    ResponderExcluir