Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » Polícia confirma "Sapatinho" e libertação de família no Povoado Camaçari


PINHEIROFOTO 19:36


A ação a qual uma família foi mantida refém no início da manhã desta terça-feira (1º), não foi um sequestro qualquer, mas um “Sapatinho” . A família foi libertada por volta de 11h30 nas imediações do Povoado Camaçari, logradouro que fica no limite entre os municípios de Imperatriz e João Lisboa.

Comum em cidades pequenas onde o policiamento é mínimo, nessa modalidade criminosa os assaltantes mantêm como refém a família de um funcionário de banco, gerente ou tesoureiro, que é obrigado a ir ao estabelecimento bancários sacar dinheiro.

Segundo informações repassadas a pouco pela PM, o bando chegou a casa localizada na rua Tamandaré, Centro, na noite anterior, rendeu a família, e no dia seguinte, obrigaram uma mulher identificada por Anne, tesoureira, do Bradesco, ir ao banco para fazer o saque de dinheiro. A recomendação seria que ela fosse como se nada estivesse acontecendo.

Conforme, ainda, a PM, após a jovem ir ao banco os assaltantes ficaram com a família por um determinado tempo e depois fugiram em dois carros com placas cobertas. Isso teria ocorrido antes da chegada da polícia.

O comandante do 3º Batalhão da PM, tenente-coronel Markus Lima informou à imprensa que a família foi libertada nas imediações do Povoado Camaçari, em Imperatriz, por volta das 11h30. Todas as pessoas, cujo número exato não foi informado, deverão ser ouvidas nas próximas horas pela polícia.

O comandante, também, destacou que já foram identificados dois dos assaltantes, sendo que a suspeita é que tenha aproximadamente quatro envolvidos.(Imirante.com)

Nenhum comentário

Leave a Reply