Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » BOLSA FAMÍLIA: Beneficiários são convocados aos postos de saúde para cumprir requisitos, quem não comparecer pode ter o cadastro cancelado


PINHEIROFOTO 14:42



De quase 15 mil famílias cadastradas, menos de 10% estão fazendo o acompanhamento. O prazo é até 20 de maio

Quase 15 mil famílias beneficiárias do Programa de Transferência de Renda Bolsa Família ainda não realizaram o acompanhamento das condicionalidades da saúde, em Imperatriz. A informação é da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDES) por meio da coordenação geral do Bolsa Família.

As famílias estão sendo convocadas a comparecerem as unidades de saúde próximas de suas residências para garantir o acompanhamento da saúde que consiste na pesagem, avaliação nutricional e vacinação das crianças de 0 a 7 anos, gestantes e mulheres de 14 a 44 anos.

Os beneficiários devem cumprir essa condição do programa Bolsa Família até o dia 20 de maio, sob o risco de ter o benefício bloqueado e posteriormente cancelado no descumprimento da orientação. Destaca-se ainda que as condicionalidades da saúde, por determinação do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) rigorosamente precisam ser realizadas duas vezes ao ano, com datas estipuladas no primeiro e segundo semestre, sempre informado ao beneficiário através do comprovante de saque do beneficio feito nas casas lotéricas e nos caixas eletrônicos.

O coordenador do Bolsa Família, Junison Sousa, faz o alerta aos benefíciários para não serem pegos de surpresa com o cancelamento do beneficio.

“É muito importante o cumprimento das condicionalidades para evitar o cancelamento do benefício, sabemos que é um recurso que auxilia na renda familiar e sua perda fará falta”, informou o coordenador do Bolsa Família.

Ele destacou ainda que a situação da cobertura das famílias que precisam fazer esse acompanhamento da saúde é preocupante, tendo em vista que no universo de 15 mil famílias, somente 124 famílias cumpriram as condicionalidades até agora. “Atualmente, de acordo com o relatório consolidado do bolsa Família concedido pelo MDS, há somente 0,82% de acompanhamento. É necessário que as pessoas procurem as unidades de saúde o quanto antes e não deixem para a última hora, correndo o risco de perder o beneficio”, declarou.

Numa reunião realizada ontem (26), pela coordenação da Atenção Básica de Saúde com os diretores dos postos de saúde, foi definido intensificar as ações para que haja agilidade nos atendimentos aos beneficiários do Bolsa Família. “As unidades básicas de saúde estão de portas abertas para acolher os beneficiários”, ressaltou Anderson Gomes Nascimento,coordenador da Atenção Básica.

Nenhum comentário

Leave a Reply