Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » » Candidatura de Ribinha Cunha cresce e ganha adesões no cenário político de Imperatriz


PINHEIROFOTO 19:11



“É pelo vínculo de amor e gratidão que vamos lutar para defender o futuro da cidade”, diz Ribinha


Filho de uma "Imperatriz crescente com os matizes do progresso", José de Ribamar Cunha Filho, apresenta uma nova opção de gestão pública aos imperatrizenses. Com história de vida que se confunde com a própria história da cidade nos últimos 50 anos, o segundo dos sete filhos do casal José de Ribamar e Maria Odenilda de Sousa Cunha, a inesquecível Dona “Didi”, Ribinha Cunha como carinhosamente é conhecido na cidade que lhe ofereceu: trabalho, família e amor; coloca seu nome à disposição como candidato à Prefeitura de Imperatriz nas eleições 2016.
Filiado ao Partido Social Cristão (PSC), Ribinha Cunha tem o apoio de mais quatro partidos: PSDB, da sua candidata à vice-prefeita, a professora Miriam Ribeiro, PHS, PSD e PMN, e traz como linha principal de trabalho a certeza de que Imperatriz não apenas cresceu, também se desenvolveu em qualidade de vida, e que tal avanço conquistado com o suor do trabalho de homens e mulheres que tem por essa terra o mesmo sentimento de amor e gratidão, não pode retroceder.
Por onde tem passado, o nome de Ribinha Cunha tem sido recebido com otimismo por trabalhadores de diferentes segmentos, de uma ponta a outra da cidade, inclusive na zona rural. Desde a decisão em disputar a cadeira de primeiro mandatário, a cada visita Ribinha tem agregado apoio de classes e entidades de importante atuação em Imperatriz.
Como tem observado nos encontros com a comunidade o vínculo com a cidade vai além do local de nascimento: “É por ser de Imperatriz e aqui querer completar meus dias que nos propomos a retribuir tudo que a majestade do Tocantins nos proporcionou, e a empenhar nossa mão de obra na condução dos rumos da cidade. É com esse sentimento que vamos lutar para defender o futuro de Imperatriz”. (Da Assessoria)
Quem é Ribinha Cunha?
É administrador de empresas e tem toda sua trajetória pessoal e profissional edificada em Imperatriz, cidade escolhida por seus pais em 1956 para ser o cenário de uma longa e bela história de amor. Amor pela vida, pela família, pelo trabalho e, por esse chão.
Seu saudoso pai, José de Ribamar, empreendedor de sucesso, foi pioneiro no setor atacadista, proprietário de uma indústria de café e também se destacou na pecuária, teve grande parcela de contribuição no desenvolvimento econômico de Imperatriz.
Ribinha Cunha chegou ao mundo em 14 de outubro de 1961 pelas mãos da parteira Dona Iraci na primeira residência de seus pais no cruzamento da rua Simplício Moreira com a Bom Futuro, local onde durante anos funcionou o Hospital Santa Cecília. Viveu parte da infância na rua Godofredo Viana, e já a adolescência a família passou a residir em frente à Praça Tiradentes por onde costumava brincar com os amigos Bacabinha e Antonio Pedro Rocha.
Estudou as primeiras letras e todo o Ensino Fundamental na escola Santa Teresinha. Em busca de qualificação profissional para seguir a vocação empreendedora de seu pai, viveu por alguns anos em Belém/PA, onde cursou Economia na Universidade Federal do Pará, e Administração de Empresas na Universidade da Amazônia (Unama). Durante os anos de estudo sempre que possível percorria os 600 quilômetros da rodovia Belém/Brasília para aliviar um pouco da saudade do seu povo e do seu lugar.
Aos 25 anos, já graduado, Ribinha assume a função gerente da empresa Café Viana e passa a ajudar o pai e os irmãos a tocar e expandir os negócios da família. Foi Secretário Municipal de Indústria e Comércio entre 1997 e 1998, e em parceria com o Sebrae elaborou o primeiro perfil de negócios e bens de consumo, o estudo estabeleceu a projeção econômica da cidade para os cinco anos seguintes e possibilitou novas frentes de investimento.
 Além da dedicação ao trabalho o jovem imperatrizense encontra seu grande amor, sua esposa Vanessa Cristina Cerqueira Cunha. Casados há 25 anos o casal gerou três frutos, Vitor, Gabriel, e a pequena Ana Júlia, a caçula que ele diz ser a "raspa do tacho".  

Por fazer o que gosta, viver onde ama, e querer uma cidade cada vez melhor, Ribinha Cunha é o caminho certo para Imperatriz.

FONTE JORNAL CORREIO POPULAR

Nenhum comentário

Leave a Reply