Vereador cobra implantação de farmácia de medicamentos de alto custo



O vereador Adhemar Freitas Júnior (PSC) usou a tribuna na sessão desta quinta-feira, 16, para cobrar do Governo do Estado a implantação imediata em Imperatriz de uma farmácia especializada de medicamentos de alto custo usados por pacientes portadores de doenças crônicas.

"Atualmente, o Município assumiu uma responsabilidade que é do governo estadual", explica o vereador, acrescentando que após o cadastro na Secretaria Municipal de Saúde dos pedidos desses medicamentos, os mesmos tem que ser recebidos em São Luís, para onde um responsável da Semed tem que se deslocar de carro.

"Estamos atendendo um pleito de pacientes que dependem dessa medicação. A maioria desses medicamentos é de uso contínuo, ou seja, os pacientes dependem dessa medicação ao longo da vida ou por um período bem grande", justifica. Segundo ele, esse tipo só existe em São Luís.

"Somos a segunda cidade do estado, com muitos pacientes nesta situação. Essa dinâmica destes pacientes receberem essa medicação é muito morosa, é muito difícil, os protocolos são bastante exigentes. Então, esse distanciamento com a farmácia especializada tem causado prejuízos aos pacientes, que ficam sem a medicação e o atraso de uma semana, por exemplo, do medicamento por questões burocráticas, até mesmo de logística, é um absurdo", reforça.

"Essa farmácia aqui em Imperatriz vai atender a grande demanda desses pacientes que temos aqui na região", acrescenta.

Os pacientes que necessitam desses medicamentos são pacientes crônicos, como por exemplo diabéticos graves, que usam medicação por longo períodos ou mesmo pela vida inteira.

"Temos uma lista grande desses pacientes. E detalhe: muitos desistem do tratamento diante da dificuldade de conseguir esses medicamentos", denuncia.

Fotos: A. Pinheiro