Destaque rosariense no Grêmio, acerta com o Barcelona da Espanha


Uma matéria publicada em 2014, há quase três ano, pelo Portal Diário de Rosário, levava ao conhecimento da imprensa e da sociedade rosariense um garoto que se destacava no futebol de Rosário e do Maranhão.

Nascido de uma publicação do youtube e do interesse da redação do portal de revelar o fenômeno rosariense, fomos atrás na época de informações, com Secretário de Esporte, Silvestre Teles e amigos que levasse o paradeiro do garoto.

Enfim encontramos. No dia da visita em 2014, encontramos Emanuel Silva Ferreira, “O Manu”, acometido de uma febre, e com a autorização por telefone de seu pai, José Raimundo foi realizado uma breve entrevista, para a redação.

O garoto, Emanuel, “Manu” (com 8 anos na época) morava no bairro Barreiro em Rosário, e teve o incentivo dos pais, Maria Antônia Silva, professora concursada da prefeitura de Rosário e José Raimundo (Zezinho) trabalhava na extinta obra da Refinaria da Petrobras, que encomendaram um vídeo do filho em um treino, visando mostrar o talento maranhense”. O vídeo que foi gravado a pedido dos pais, tinha recente publicação na rede mundial de computadores.

Na época Emanuel treinava na capital São Luís no centro de treinamento Falcão e estava com viagem programada para São Paulo onde deveria acontecer no mês de Junho de 2014. Em São Paulo o garoto pretendia ingressar na escola do Santos Futebol Club, onde iria desenvolver suas atividades em futebol de campo e de quadra.
Adicionar legenda

Em São Paulo – Logo depois, a família viajou a São Paulo, para jogar na escolinha Pulo do Gato. Demorou quatro jogos para ser o destaque e ganhar uma camisa do melhor jogador de futsal do mundo. Paulo Cesar, ex-jogador do Grêmio, observou o garoto e o indicou para João Antônio, atual coordenador técnico das categorias de base. Manu estava há 8 anos no Grêmio.

Teste no Barcelona em fevereiro de 2017 – Uma das promessas da base do Grêmio esteve em Barcelona para realizar um teste. O meia Manu, de 10 anos, foi convidado para passar alguns dias na Espanha para observação dos olheiros do clube catalão.

O jogador foi bicampeão da Copa Cidade Verde com a sub-10 do Grêmio neste ano. Sob comando do técnico Allan Barcellos, a equipe gremista somou 11 vitórias e três empates nos 15 jogos disputados, anotando 24 gols e sofrendo apenas 6.

O controle de bola de Manu impressionou os olheiros do Grêmio, e também é um dos pontos mais elogiados no jovem meia. Como os meninos até 16 anos ainda não possuem contrato com os clubes, o jovem não tinha nenhum vínculo formal e estava livre para acertar com qualquer outra equipe.

Após receber um convite do Barcelona no começo do ano, e também de outros clubes europeus, o meia viajou para a Espanha, com autorização do Grêmio, e ficou alguns dias conhecendo a estrutura que formou Messi, Iniesta e Xavi.

Após conhecer a estrutura de clubes europeus, a família de Manu decidiu mudar. O jovem não se reapresentou com os meninos da sua categoria, que iniciou a preparação para as competições de 2017, e irá definir aonde dará seguimento a sua carreira. (Da redação Diário de Rosário/Site Zero Hora)