Prefeitura de Amarante em parceria com a Polícia Militar lança Projeto Alvora Industrial



A Escola Dilson Funaro será uma das primeiras instituições de ensino contemplada na cidade

A Secretaria Municipal de Educação em parceria com a Polícia Militar apresentou nesta quinta-feira (16) aos diretores, vice-diretores, pedagogos e coordenadores das escolas municipais e representantes da atual gestão o Projeto Alvorada Industrial. O evento de lançamento ocorreu às 19h na sede do Sindicato dos Servidores Públicos de Amarante (Sispuama) e contou também com a presença dos vereadores, Sargento Aguiar, Eva Gomes (Perinha) e do representante da PM Major Alan.

Na oportunidade o Secretário de Educação do município, Edilson Vieira, fez questão de destacar em sua fala a importância do Projeto Alvorada Industrial para a Escola Municipal Dilson Funaro, “esse projeto vai ajudar a resgatar valores que foram perdidos dentro de nossas escolas, valores éticos e morais”, explicou Edilson. Ele também mencionou que no que depender da pasta da educação e do poder executivo esse programa terá todo o apoio e suporte necessário para ser desenvolvido com qualidade, afirmando ainda que ações como essa tendem a se estender as demais instituições de ensino da cidade.

A Prefeita, Joice Marinho, que teve sua ausência devidamente justificada foi representada pela Coordenadora da Saúde, Herilandy Duailibe, que mencionou a satisfação da Prefeita e seu esposo Dr. Marconi em colaborarem com essa ação, informando aos educadores presentes que a Prefeitura reconhece o comprometimento de todos “eu acredito que esse projeto já deu certo pela boa vontade do Secretário de Educação Edilson, da sua Adjunta Geovânia, do Major Alan e da Prefeita”, comentou Herilandy.

Já o representante da PM, Major Alan, que realizou a palestra de apresentação do projeto, fez uma breve introdução sobre seu trabalho a frente da 3ª Companhia Independente da Polícia Militar de Amarante, como também comentou sobre os desafios que enfrentou quando foi diretor da Escola Militar em Imperatriz, “ a missão mais difícil do planeta é educar”, disse ele.

De acordo com o Major, a escolha da escola Dilson Funaro para executar o projeto, se justifica devido a sua localização ser no Bairro Industrial, o mais populoso e perigoso da cidade, ou seja, essa situação de vulnerabilidade o fez enxergar que aquele bairro merecia uma atenção especial, motivando o a criar este projeto e apresentar ao Promotor, Juiz e Secretário de Educação do Município.

Segundo ele essa ação tem um prazo indeterminado e apesar de usar a mesma metodologia das escolas militares, não se tem intenção nenhuma de formar militares na Escola Dilson Funaro, o programa é só mais uma ferramenta de educação dentre as outras que a escola já possui “ O projeto é

uma parceria da PM com a Secretaria de Educação e Prefeitura Municipal em nome da dona Joice, não é um projeto exclusivo da PM”, relatou o Major.

O porquê do nome Alvorada Industrial foi explicado pelo Major, relatando que Alvorada remete a (acordar, despertar, amanhecer) e o Industrial foi numa alusão ao bairro onde está localizada a escola.



Ascom/PMA