Prefeitura de Amarante realiza mutirão de saúde em povoado



A mobilização contou com o apoio de representantes da Secretaria de Saúde do Estado que tem como objetivo a imunização contra febre amarela.

A Secretaria Municipal de Saúde realizou nesta quarta-feira (15) um mutirão em atendimentos na Unidade de Saúde Abílio Brito no Povoado Campo Formoso, localizado na zona rural de Amarante. A ação ocorreu durante todo o dia e contou com a participação tanto de profissionais locais, quanto de representantes da Secretaria de Saúde do Estado.

Foram oferecidos a comunidade local os serviços de consultas, distribuição de medicamentos (mediante receita médica), atualização de vacinas bem como orientações no que diz respeito à prevenção de dengue, zika, febre amarela e chikungunia entre outras; tudo com o objetivo de fortalecer a qualidade da saúde naquela localidade.

Para a dona de casa, Raimunda Brasil, que compareceu a Unidade de Saúde juntamente com seus filhos o mutirão aconteceu em uma boa hora “Eu cheguei cedo com meus filhos já consultei e vacinei e fui muito bem atendida, o atendimento melhorou demais”, declarou ela.

De acordo com o Coordenador da Vigilância em Saúde, Raimundo Fontes, ações como a que ocorreu no povoado Campo Formoso tendem a se estender as demais localidades, destacando ainda que a população compareceu em peso e se mostrou satisfeita com o atendimento dos profissionais de saúde “A ação foi positiva conseguimos alcançar os objetivos esperados, além de repassarmos informações também conseguimos notificar alguns casos de dengue, zika e chikungunia”, declarou ele.

Segundo a coordenadora de imunização da Secretaria de Saúde do Estado, Maria Concy Galdez, atualizar a carteira de vacinação é muito importante, principalmente nesse momento de surtos de febre amarela em alguns estados do país como, por exemplo, Minas Gerais e Espírito Santo, por isso o Governo do Estado está deslocando equipes com o objetivo de ajudarem no processo de prevenção através da vacina que é o meio mais eficaz “a vacina contra febre amarela deve ser tomada de dez em dez anos é importante que os idosos acima de 60 anos saibam que só podem tomar a dose com orientação médica ou caso se desloquem para uma área de risco”, explicou Maria Galdez.

ASCOM/PMA