“Só vai errar na Saúde quem quiser errar” diz Assis Ramos, na abertura do encontro com CGU


Representantes de 15 municípios da Região Tocantina participam do evento

A I Reunião Técnica dos Programas da Saúde, por iniciativa da Prefeitura de Imperatriz, começou na terça-feira (21) e segue até hoje (22), voltada para gestores e coordenadores do município. O encontro acontece no auditório da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Campus Centro, e conta com representantes da Rede de Controle da Gestão Pública, Tribunal de Contas da União, Governo Federal e Ministério Público. O prefeito Assis Ramos marcou presença na abertura, juntamente com o secretário municipal de Saúde, Alair Firmiano.

Com o tema geral “Um salto de qualidade na gestão dos Programas da Saúde”, o evento tem as participações do superintendente e do auditor da CGU, Francisco Alves Moreira e Welliton Resende, do promotor da Saúde, Newton Belo, e do auditor do TCU, Omar Cortez.

Na oportunidade, o público pode participar de oficinas e palestras relacionadas às melhorias na gestão dos Programas da Saúde, com foco na correta aplicação dos recursos públicos. Assis Ramos pontuou que a solicitação desse treinamento, junto a Controladoria Geral da União (CGU), foi planejada para capacitar os gestores e evitar irregularidades, por falta de orientação.

“No que diz respeito à administração pública, o pouco se torna muito, mas resolutivo, se for aplicado com responsabilidade. Essa temática vai nos orientar a fazer os procedimentos, pois na nossa gestão, os recursos serão aplicados nos princípios da transparência e da honestidade, melhorando o processo de combate à corrupção”, ressalta o prefeito.

O superintendente da CGU Regional MA, Francisco Alves, acrescentou que a aplicação certa dos recursos é fundamental para uma prestação de serviço adequada e destaca a importância da parceria para a realização do encontro. “Ficamos muito honrados com o convite da prefeitura, por isso estamos aqui, para contribuir com os anseios de melhoria dos gestores, pois precisamos dar a correta destinação ao dinheiro dos cofres públicos, e melhorar os serviços prestados à população”, afirmou.