Escolher Menu

CONCURSOS

Últimas Notícias

POLICIAL

GERAL

POLÍTICA

TRÂNSITO

Valeria Macedo

Valeria Macedo
Ele também participou de reuniões com os moradores da Vila Fiquene e do povoado Cacauzinho
Imperatriz – A campanha à reeleição do deputado estadual Dr. Pádua (PRB) tem sido multiplicada nessa última semana com a realização de caminhadas, reuniões, buzinaço e visitas aos moradores dos bairros e povoados de Imperatriz.
“Temos descentralizado a campanha levando-a para os quatro cantos de nossa cidade”, disse o vereador Enoc Serafim que participou nessa segunda-feira (29) ao lado da Dra. Marilda Ferraz, esposa do deputado Dr. Pádua, de caminhada e visita à comunidade do bairro da Caema. “Esse é o deputado do povão, possui extensa folha de serviços prestados à comunidade Tocantina e ao Maranhão”, reconhece.
Do outro lado da cidade, na Vila Cafeteira, o deputado Dr. Pádua participava simultaneamente de caminhada pela Avenida da Liberdade, onde recebeu diversas manifestações de carinho e de apoio no próximo dia 5 de outubro (domingo). “Temos plena confiança que obteremos uma significativa votação em nossa cidade, pois estamos há 20 anos construindo amigos e trabalhando cada vez mais pelo nosso povo”, declarou.
Dr. Pádua, considerado um dos mais conceituados médicos oftalmologistas do Brasil, teve uma atuação destacada nesse primeiro mandato no Parlamento estadual ao assumir a presidência da Comissão Permanente de Saúde e, neste último biênio, conseguir uma cadeira na Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Maranhão.
“Temos sido o porta-voz do povo naquela Casa de Leis, pois aqui viabilizamos junto ao governo estadual poços artesianos para amenizar o problema de abastecimento de água, conseguimos a criação e a implantação do 14º BPM, inclusive com abrangência nessa região da Vila Cafeteira; reforma e ampliação de escolas e a construção de postos de saúde”, assegurou ele, que participou ainda de reuniões com moradores do bairro Vila Fiquene e do povoado Cacauzinho, em Imperatriz. [Da Assessoria]

O candidato Edinho Lobão (PMDB) protagonizou os momentos mais hilários do debate na TV Mirante, realizado na noite desta terça-feira.
Com formato engessado, o programa não permitiu um confronto maior entre os candidatos, nem a discussão dos temas que acaloraram a pauta eleitoral da última semana – como o depoimento forjado do preso André Escórcio e o baculejo da Polícia Federal no avião de Edinho.
O candidato da oligarquia Sarney, no entanto, não fugiu à regra das participações anteriores e levou telespectadores e a plateia presente nos estúdios da Mirante às gargalhadas com seus gestos tresloucados e declarações contraditórias.
Ao questionar o oposicionista Flávio Dino (PCdoB) sobre o tema corrupção, Edinho, suando frio, levou a resposta na lata. “Não tenho nenhuma condenação nos tribunais. Sou ficha limpa. Diferentemente do meu adversário, que enfrenta processos por formação de quadrilha e falsidade ideológica. Além de ter sido condenado duas vezes à prisão”, replicou o comunista.
Irritado, o peemedebista chegou a repreender a direção da emissora dos Sarney, ao ter dois pedidos de direito de resposta negados. O mediador do programa, jornalista Fábio William, explicou que o direito de resposta só seria concedido quando houvesse ofensas.
Nas considerações finais, Edinho Lobão se superou, ao balbuciar, de forma canhestra, uma reza confusa e farisaica. Agradeceu aos céus pela campanha, pedindo a Deus que ilumine o eleitorado maranhense no próximo domingo. A cena logo virou motivo de piada nas redes sociais.
Ao final do programa, o playboy de Brasília foi ignorado pelos repórteres e veículos de imprensa que deram cobertura ao evento. Dino, que lidera em todas as pesquisas divulgadas até o momento, foi o centro das atenções.


Li com tristeza e repúdio uma mensagem que recebi via internet mostrando o conteúdo de um panfleto distribuído nas ruas da cidade com o famigerado título: Lugar de mulher é na cozinha.

Tal mensagem denuncia a pequinês intelectual de pessoas ou indivíduos, que se declaram cidadãos honrados, mas na verdade revelam-se verdadeiros brucutus, machões enrustidos, que em detrimento da ética, lançam mão de um recurso tão desprezível - o preconceito - na sua forma mais
cruel e patética com o intuito de prejudicar candidaturas de mulheres corajosas, que tentam de forma legitima e democrática, contribuir com a nação. Não estou defendendo candidatura de A ou de B, estou apenas manifestando o direito que me é outorgado como profissional e mulher, a liberdade de expressão.

A mensagem do panfleto mencionado poderia ser simplesmente ignorada por pura ausência de fundamento. Porém, eu já havia respondido antecipadamente em um texto publicado em O PROGRESSO na edição do dia 16 de março de 2014, como parte das homenagens ao Dia Internacional da Mulher. Para quem não leu, aí vai a reedição na íntegra.

Lugar de mulher é onde ela quiser

*Dijé Guedes

Na cozinha, no quarto, na rua ou no Palácio do Planalto, lá estão elas. Mães, profissionais, amantes, estadistas, ou simplesmente mulheres. Os avanços conquistados pela mulher nas ultimas décadas são incontestáveis. Indiscutível também é o valor que elas representam seja no âmbito familiar ou na sociedade como todo.

Relatos bíblicos comparam o valor da mulher virtuosa ao de finas joias. E afirmam que a mulher sábia edifica a própria casa. Virtuosa ou não, sábia ou tola, a mulher é um ser sublime, sensível, sentimental, mas sobre tudo forte. Quando atingida, a boca muitas vezes se cala; os olhos denunciam através da lágrima que teima ao cair; no rosto o semblante testemunha na alma, a ferida que sangra.

Talvez por isso, também é chamada de sexo frágil, um pensamento equivocado, convenhamos. Como considerar frágil alguém que com a mesma presteza que serve o café da manhã em casa, despacha no gabinete, escritório, consultório, sala de aula, amamenta o filho, ensina a lição de casa, ora, malha, vai ao salão de beleza, comenta a novela, fala ao celular, atualiza os contatos nas redes sociais?

E no trajeto para o trabalho ler o jornal, retoca a maquiagem, faz o chek list na agenda, ver as vitrines, à noite, após a dupla ou tripla jornada, ainda encontra ânimo pra escolher a lingerie predileta e no dia seguinte está disposta e pronta pra começar tudo de novo. Como considerar frágil alguém apontada como “a força que move o país (Pres. Dilma em rede nacional)”?

No início do século, a mulher que não tinha o direito de escolher nem mesmo o próprio marido, hoje é destaque nas estatísticas econômicas e nos números dos programas sociais do Governo Federal. A mulher também é responsável pelo sustento de 40% dos lares. No empreendedorismo são as principais representantes das vinte maiores economias mundiais. 44% das franquias brasileiras estão nas mãos de mulheres. Isso prova que as mulheres brasileiras representam maioria nos quesitos quantitativo e qualitativo.

Do machado e porrete à sombra de uma palmeira de babaçu ao gabinete da Presidência da República, passando pela colher de pedreiro, o volante de caminhão, as telinhas e telões e os campos de futebol. E tudo isso sem descer – literalmente - do salto e, é óbvio, sem perder a feminilidade e a sensibilidade. Ao ponto de inspirar versos na música e na poesia. Esse, só pode ser chamado de sexo forte.

Nós mulheres, somos o sexo forte sim, senhor. E como tal, temos o direito de exigir no mínimo o que já nos pertence enquanto cidadãs:

o respeito ao direito à liberdade de escolha do que queremos, como, onde e quando. Respeito é bom, não só pelo mérito de algo considerado relevante, mas, pelo simples fato de sermos mulher.
Se estamos ao lado, na frente, ou atrás de um grande homem, não importa. Desde que estejamos onde queremos estar. Portanto, lugar de mulher é onde ela quiser estar.

Parabéns a todas as mulheres e homens que acreditam na igualdade de direitos.

(Dijé Guedes – jornalista)

Graças às 12 câmeras instaladas em pontos estratégicos da cidade, o sistema de videomonitoramento em Caxias vem contribuindo decisivamente no combate à violência. As ocorrências registradas pela Polícia Militar entre janeiro e julho dos anos de 2012 e 2013, comparadas com igual período do ano de 2014 – quando o sistema já estava funcionando – comprovam a melhoria da segurança pública na Princesa do Sertão.

Os resultados mais significativos foram observados nos índices de roubos e furtos, que apresentaram uma redução de 31,16%. Entre 2013 e 2014 foi registrada uma média de 46 crimes de roubo vitimando pessoas, residências e comércio. Este ano, no mesmo período, caiu para 35. Já as taxas de homicídios caíram 50% no mesmo período.

Apesar da Segurança Pública ser uma obrigação do Governo Estadual, a Prefeitura de Caxias tem investido no sistema de videomonitoramento para ajudar no combate à criminalidade que é uma das maiores preocupações da população. Este serviço é feito através de câmeras, um dos sistemas mais modernos em todo o mundo no trabalho preventivo contra a criminalidade. Através dele placas de veículos são consultadas, pessoas suspeitas são identificadas, além do registro de infrações de trânsito, agressões e outras ocorrências.


O projeto de videomonitoramento ainda está em fase de implantação em Caxias – recentemente foi ampliado para o Balneário da Veneza, Avenida Alexandre Costa e COHAB. A redução nos índices de criminalidade mostra que a Prefeitura está contribuindo decisivamente para a melhoria da Segurança pública na cidade.
Equipes de rua e motoristas de carros de som tentam receber atrasados; Polícia já foi acionada várias vezes para conter  tumultos

A campanha de Edinho Lobão não existe mais em Imperatriz. Desde o começo da disputa eleitoral, o comitê do candidato da família Sarney enfrenta motins e protestos das equipes de rua e de motoristas de carros de som por falta de pagamento. Por várias vezes, o comando do comitê teve de acionar a Polícia para acalmar os ânimos dos trabalhadores e evitar quebra-quebra.

O comitê fechou as portas definitivamente e somente membros da coordenação podem entrar em suas dependências.

Na no final da tarde de ontem (segunda, 29), duas viaturas da Polícia Militar foram chamadas para conter um início de tumulto no comitê, que fica localizado na rua Coronel Manoel Bandeira, próximo à Praça da Cultura, na parte antiga de Imperatriz. Trabalhadores da campanha tentavam obter alguma informação. O clima ficou tenso e houve ameaça de invasão e depredação do prédio.

Líderes de equipes de rua revelam que dezenas de pessoas que trabalham para Edinho abandonaram a campanha sem receber pagamentos. Muitas estão retornando todos os dias ao comitê sob a promessa de que irão receber os atrasados até a eleição, domingo dia 5. Mas não é o que está ocorrendo. Mesmo os que estão sendo pagos, não estão recebendo integralmente.
Segundo relatos, há grupos que ainda não receberam a quinzena e pelo menos um não vê o dinheiro de seu trabalho tem mais de um mês. A revolta é geral.

Os carros de som estão sem circular tem cerca de vinte dias por falta de combustível. Proprietários dos veículos também não receberam o pagamento da locação dos carros. Os motoristas também não receberam os salários atrasados.

Vídeo

Nos bastidores, integrantes da equipe de coordenadores do comitê reclamam do “desprezo” por parte do comando central em São Luís. O desânimo é visível. Vários abandonaram suas funções e outros admitem abertamente a derrota de Edinho – em Imperatriz, Flávio Dino deve obter grande votação, impondo uma vergonhosa derrota ao candidato da família Sarney.

Em um vídeo gravado de um celular e vazado nas redes sociais, uma funcionária do comitê tentar acalmar mulheres que trabalhavam nas equipes de rua. Ela admite que as equipes da coordenação estão “sofrendo a mesma pressão” e diz que não que também “nunca nenhum um centavo” desde o início da campanha.


Revela que “a gente não estava trabalhando aqui no comitê” e tenta justificar: “Mas a gente tava trabalhando para fechar as contas, para saber quanto que tinha para pagar até o final da campanha, quanto que a gente tem passar pra lá [o comando central em São Luís] pra saber quanto eles vão mandar. E a gente não tem outra coisa pra dizer... Estou aqui dando meu sangue. Minha casa e minha vida tá toda por conta. Eu nunca recebi um centavo até hoje, e eu não sou candidata a nada, eu sou uma pessoa comum como vocês. Uma mãe de família comum como vocês, que tem contas a pagar, que tem serviço a prestar. Então eu sei que é difícil, que as palavras não vão encher barriga, que palavra não vai pagar contar”.

blog prensaitz
Na reta final de sua campanha rumo à reeleição, o deputado Estadual Léo Cunha realiza atividades em Imperatriz, e também em diversos municípios da região Tocantina. Durante o ultimo fim de semana, o parlamentar esteve em Riachão, Balsas, Paulo Ramos e Pastos Bons, onde foi recepcionado por lideranças e mais uma vez recebeu o carinho e a apoio da população.


No sábado (27), Léo Cunha viajou até Riachão, onde o ex-prefeito João Braga, o acompanhou em uma caminhada e carreata pelas ruas da cidade, lhe apresentando à população, como sendo o candidato a deputado estadual apoiado por ele.


“O deputado Léo Cunha tem o meu total apoio, pois ele tem sido incansável na busca pelas melhorias aos municípios e, é por essa luta que ele conta com o meu apoio,” disse João Braga.

Entre as obras viabilizadas pelo parlamentar para Riachão, está à pavimentação da rodovia MA-334, que serve de ligação entre o município e Feira Nova do Maranhão. Foi Léo Cunha quem encaminhou o projeto de indicação 148/12 ao governo do Estado em Abril de 2012, que apontou a execução dessa obra, que é de suma importância para o desenvolvimento do turismo na região.


Ainda no Sábado, Léo Cunha se dirigiu a Balsas, onde se reuniu com lideranças entre as quais o vereador Alan e, em seguida foi à cidade de Paulo Ramos, onde percorreu em caminhada pelas principais ruas e participou de um grande comício na Praça do Mercado, sempre acompanhado pelo prefeito Dr. Tanclêdo, secretários, vereadores e por uma multidão de populares.


O ex-secretário estadual de Cidades de Desenvolvimento Urbano e candidato a deputado federal, Hildo Rocha, também participou das atividades realizadas em Paulo Ramos.

O comício realizado em Paulo Ramos aconteceu justamente na Praça do Mercado, localizada em Frente ao Mercado Público. Tanto a construção da praça e como ampliação e reforma do mercado, foram obras viabilizadas por Léo Cunha.


“Pra mim é uma grande honra poder estar aqui hoje nessa praça, que é fruto de nossa luta, e também ver aqui o mercado que nós conseguimos levantar os recursos junto ao Estado, para que fosse realizada essa reforma. Estamos muito satisfeitos e queremos continuar essa parceria com o prefeito Tanclêdo para que possamos garantir muitas outras obras para cá,” disse Léo Cunha.


Ao longo de seu mandato, o deputado Léo Cunha liberou quase R$ 2 milhões em recursos, destinados para a execução de obras em Paulo Ramos, através da assinatura de seis convênios entre o governo do Estado e a prefeitura.“Só temos a agradecer ao deputado Léo Cunha por toda a ajuda que ele já nos deu e apoia-lo para que ele possa continuar sendo o nosso representante na Assembleia, e continuar garantindo obras em nosso município,” disse o prefeito, Dr. Tancledo.


As atividades do fim de semana do deputado Léo Cunha foram finalizadas no domingo (28), no município de Pastos Bons, terra natal de seus pais. Lá, o parlamentar também participou de um comício, onde apresentou seus projetos à população.