Escolher Menu

CONCURSOS

Últimas Notícias

POLICIAL

GERAL

POLÍTICA

TRÂNSITO


O projeto de autoria do vereador professor Carlos Hermes (PCdoB) foi aprovado nessa terça-feira (26)
Por unanimidade, a Câmara Municipal de Imperatriz aprovou o projeto de lei número 14/2015, que dispõe sobre os serviços de armazenamento, coleta e transporte de entulhos na cidade. O projeto, de autoria do vereador professor Carlos Hermes (PCdoB), foi aprovado em única discussão e votação na sessão dessa terça-feira (26).

O projeto prevê a sinalização das caçambas de coleta de entulho, o tráfego destes veículos e a ocupação deles em vias públicas. De acordo com o texto, as caçambas deverão ser pintadas em esmalte sintético em toda sua extensão e com cores facilmente visíveis à noite. Além disso, elas terão que conter faixa zebrada com tinta ou película refletiva que facilitem a visualização; a indicação do nome da empresa com fonte na altura mínima de 10 cm nas duas faces maiores e deverão ainda apresentar a numeração sequencial composta pelo prefixo identificado da empresa.

 Para o vereador Carlos Hermes, além de manter a cidade limpa, o projeto de lei tem por finalidade manter a integridade física dos cidadãos. “A desorganização destes serviços reflete diretamente na vida da população, tanto em relação ao despejo irregular dos entulhos - assim sendo, prejudicando o meio ambiente; e também no que diz respeito a possíveis acidentes, já que as caçambas não possuem pintura que facilite a visibilidade e são estacionadas de qualquer forma nas vias”. 
Durante a votação, alguns vereadores parabenizaram Carlos Hermes pela iniciativa de um projeto que regulamenta os serviços de entulho na cidade.  Dentre eles, o vereador Adonilson Lima do PC do B. “Quero parabenizar o vereador pela forma como ele tem conduzido o seu mandato, e por mais uma vez trazer a esta Casa um projeto de grande relevância para a cidade”, enfatizou Adonilson.

Transporte
As empresas responsáveis pelo transporte dos entulhos na cidade não poderão, segundo o projeto, sujar as vias públicas com esse tipo de material. Portanto, os veículos deverão trafegar com carga limitada à borda da caçamba, com cobertura ou outro dispositivo que impeça a queda de material durante o transporte, além de ter seu equipamento limpo, antes de atingirem a via pública.
Ocupação das vias públicas
As caçambas de entulho poderão ser colocadas na via pública quando não houver espaço no interior da obra ou se o interior for inacessível. Caso sejam estacionadas na via pública, deverão obedecer aos seguintes critérios:
·         A maior dimensão horizontal da caçamba deverá ficar paralela à calçada ou meio fio a uma distância de 0,30 cm;
·         Fica proibida a colocação de caçambas a menos de 10 (dez) metros da esquina ou de pontos de ônibus;
·         A colocação de caçambas em ambos os lados da via pública somente será permitida se for respeitada uma distância mínima de 20 (vinte) metros;
·         Em todos os trechos das vias públicas onde o Código de Trânsito Brasileiro e a sinalização não permitam o estacionamento de veículos, será proibida a colocação de caçambas.
Penalidade
Quem desrespeitar as normas estará sujeito a uma advertência, por meio de notificação, para o cumprimento das regras no prazo de 24h, caso, ainda assim, as empresas não cumpram a lei, poderão ser multadas, e, até, perder o alvará de funcionamento.

Texto e Fotos: Paula de Társsia


Dois elementos em uma moto Bis executaram com três tiros um de arma de fogo um homem por volta das 8hrs e 40 minutos na Vila Cafeteira, o crime aconteceu na Rua Onofre Correia, a vitima estava estava de bicicleta, Samu foi ao local onde constatou o óbito, de acordo com informações de populares a vitima usava uma tornozeleira eletrônica. 

O deputado estadual Léo Cunha (PSC) esteve reunido na manhã desta segunda-feira (25) com o prefeito de Estreito, Cícero Neco e o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Maranhão (Sectec), Bira do Pindaré, para tratar sobre a construção do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia (IEMA) no município de Estreito. O encontro também reuniu prefeitos de outros municípios.
Na oportunidade, foi agendada uma visita dos técnicos para vistoriar o terreno para o início da implantação. A obra atenderá toda a região com o intuito de preparar os jovens para o mercado de trabalho. No último dia 18, o Governo do Estado recebeu da prefeitura a doação de um terreno de 20.879 metros para a construção da unidade no município.

Ao todo, serão investidos cerca de 10 milhões para a realização da obra civil. “Essa obra é muito importante para Estreito e região por estar em pleno desenvolvimento e necessita de muita mão de obra, o IEMA vai contribuir com essa formação”, disse o prefeito Cicin.
O deputado Léo Cunha destacou a importância desta obra para o município na ampliação e desenvolvimento, gerando mais investimentos na educação. “Quero parabenizar o governador Flávio Dino pela atenção a educação, e por Estreito ser escolhida para receber o IEMA. O deputado Léo Cunha, o prefeito Cícero e, acima de tudo, o povo de Estreito, estão orgulhosos com este grande passo e satisfeitos em constatar que o Governo do Estado está investindo no futuro dos jovens, pois assim, veremos um Maranhão mais preparado para o desenvolvimento e crescimento”, enalteceu Léo Cunha.

Em meio às multiformes movimentações políticas, sempre surgem nomes que, de alguma forma, conseguem estar em evidência de maneira até inexplicável. Alguns chamam de fenômeno, outros dizem que é o elemento surpresa indicado ou apoiado por alguém e tantos outros qualificam como sorte, mas no município de Davinópolis, localizado a 6 km de Imperatriz, uma liderança política tem se tornado destaque, colocando à prova todas as teorias e até deixando à espreita políticos tradicionais. 


José Gonçalves Lima, o Zé Pequeno, como é carinhosamente conhecido, vem demonstrando humildade, solidez popular, carisma natural e força com o povo, em especial com os davinopolenses. Vendedor ambulante, de família humilde e primogênito dentre 28 irmãos, Zé Pequeno foi para Imperatriz aos nove anos de idade na busca por melhores condições de vida. Anos depois, recebeu o desafio de administrar a emissora de TV fundada por seu pai, Chico do Rádio, que iniciou a carreira fazendo locuções comerciais e em 2004 assumiu a prefeitura de Davinópolis, da qual Zé foi secretário de administração e até hoje tem seus trabalhos reconhecidos, entre eles a construção de escolas, ruas e hospital, diminuição da violência entre outros.


Fora dos padrões da figura política mais comum, Zé Pequeno tem conseguido atrair a atenção, principalmente daqueles que enxergam nele a renovação e a esperança de dias melhores para Davinópolis, que hoje sofre com descasos da atual gestão. 


Para o administrador, que sonha em ser o representante legítimo de Davinópolis, o amor que sente por sua cidade e conhecendo as necessidades que ainda enfrenta a população davinopolense, Zé Pequeno acredita que o município pode, sim, voltar a sonhar com dias melhores e um novo tempo de desenvolvimento.




“Lamentavelmente podemos ver que perto da real situação em que se encontra a nossa cidade, estamos indo de mal a pior. É necessário haver mais transparência, ação e olhar voltado para o próximo, pois o povo de Davinópolis tem pressa e anseia por uma nova realidade política e social”, ressaltou.
Eles solicitarão mais investimentos em infra estrutura para os bairros de Imperatriz

Imperatriz – Os vereadores do Bloco Independente, da Câmara Municipal de Imperatriz, Francisco Rodrigues da Costa (PR), o Chiquim da Diferro; Antônio Fernandes de Oliveira (DEM), o Antônio José; José Rodrigues da Silva (PTB), o Zé da Farmácia, e o ex-presidente Hamilton Miranda de Andrade (PSD) viajaram nesta segunda-feira (25) para São Luís. Eles serão recebidos hoje em audiência pelo secretário de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto.
Por telefone, o vereador Zé da Farmácia assinalou que o objetivo do encontro é solicitar providências ao secretário Clayton Noleto para viabilizar recursos que garantam investimentos em obras de saneamento e pavimentação asfáltica das vias urbanas dos bairros de Imperatriz, principalmente na região do Jardim São Luís.
“Essa é uma luta que travamos desde o início do nosso mandato na Câmara Municipal de Imperatriz, porém sem êxito”, disse ele, que demonstra confiança que recursos serão liberados para revitalização da malha asfáltica e da melhoria urbana das ruas do grande Jardim São Luís.
Ex-presidente da Comissão de Obras e Serviços Públicos, o vereador Antônio José demonstrou confiança que a maioria dos pleitos será atendida pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Infraestrutura, devendo melhorar consideravelmente a qualidade de vida da população dos bairros de Imperatriz.
“O governador Flávio Dino começou bem ao anunciar por Imperatriz o programa ‘Mais Asfalto’ que recuperou 17 quilômetros de ruas e avenidas”, reconhece ele, que cita a importância do projeto que levará mais benefícios aos moradores dos bairros carentes da maior cidade do interior do Maranhão.
Expectativa – Os vereadores Chiquim da Diferro e Hamilton Miranda também reiteram a importância do encontro com o titular da infraestrutura do governo maranhense, devido à grande carência dos bairros e povoados de Imperatriz, município que necessita acelerar os trabalhos na área da infraestrutura.
“Temos convicção que o secretário Clayton Noleto, que é de Imperatriz, deverá atender a clamor da nossa gente, especialmente em relação ao saneamento básico e asfaltamento de vias urbanas”, concluiu.

 Vereadores Hamilton Miranda, Zé da Farmácia, Antônio José e Chiquim da Diferro devem ser recebidos hoje em audiência pelo secretário Clayton Noleto, da Sinfra

Um trabalho de investigação do Serviço de Inteligencia do 14º Batalhão, policiais da Rotam fizeram a prisão da dupla Leandro Costa Freire e Dhe Yoda Machey de Moares Silva, com os mesmo foi encontrado 1 kg de maconha prensada, a droga estava escondida em uma mala de propriedade de Leandro Costa Freire, o mesmo estava com passagem comprada ate Marabá, de lá ele pegaria outro ônibus ate a cidade de Altamira.


Leandro estava morando a duas semanas e Imperatriz, na Rua Euclides da Cunha, ele é natural de São Luis, mais estava trabalhando na Hidrelétrica de Belo Monte, onde trabalhava como ajudante de Produção, Dhe Yoda é natural de Imperatriz, morador da Rua Tereza Cristina, Centro, ele confessou a policia que teria informado ao amigo onde comprar a droga, Leandro disse que comprou a droga por mil reais, disse que foi a primeira que comprou aquela quantidade de droga.


Devido ter encontrado com o mesmo um passagem para o Estado do Pará, a dupla foi levada para Policia Federal, de acordo com policiais Civis, com a passagem e gravações que comprava que a droga seria levada para vender no Estado do Pará, ficava caracterizado que era trafico Interestadual.