Escolher Menu

Últimas Notícias

CONCURSOS

POLÍTICA

POLICIAL

GERAL

TRÂNSITO

» » » Professores do ciclo de alfabetização participam do Seminário do PNAIC


PINHEIROFOTO 17:45


O PNAIC é um programa integrado, cujo objetivo é alfabetização até o terceiro ano do ensino fundamental de todas as crianças das escolas municipais

No Dia Nacional do Pedagogo (20 de maio), a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) de Imperatriz realizou o III Seminário do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, no auditório da Unidade Regional de Educação de Imperatriz (UREI); com tema: “Ludicidade e Interdisciplinaridade no Ciclo de Alfabetização”.

Estiveram presentes no evento: Sebastião Madeira, prefeito de Imperatriz; Pastor Luís Carlos Porto, vice- prefeito de Imperatriz; vereador Enoc Serafim; Marinalva da Silva, secretária municipal de educação; Cleres Carvalho, secretária adjunta de ensino; Selma Soares, coordenadora local do PNAIC; Francisca Rita, coordenadora do Setor de Assessoria Pedagógica; Francisco Messias, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Imperatriz (STEEI) e Juscelino Pereira, presidente do Conselho Municipal de Educação.

“O PNAIC é um programa integrado, cujo objetivo é alfabetização até o terceiro ano do ensino fundamental de todas as crianças das escolas municipais. Participaram do seminário cerca de 250 professores. O PNAIC em Imperatriz conta com uma equipe composta por treze orientadores de estudo e uma coordenação local que desenvolve as ações de formação continuada”; explica Selma Soares, coordenadora do PNAIC.

Selma explicou ainda quatro princípios centrais serão considerados ao longo do desenvolvimento do trabalho pedagógico:

1. O Sistema de Escrita Alfabética é complexo e exige um ensino sistemático e problematizador;

2. O desenvolvimento das capacidades de leitura e de produção de textos ocorre durante todo o processo de escolarização, mas deve ser iniciado logo no início da Educação Básica, garantindo acesso precoce a gêneros discursivos de circulação social e a situações de interação em que as crianças se reconheçam como protagonistas de suas próprias histórias;


3. Conhecimentos oriundos das diferentes áreas podem e devem ser apropriados pelas crianças, de modo que elas possam ouvir, falar, ler, escrever sobre temas diversos e agir na sociedade;

4. Aludicidade e o cuidado com as crianças são condições básicas nos processos de ensino e de aprendizagem.

Dentro dessa visão, a alfabetização é, sem dúvida, uma das prioridades nacionais no contexto atual, pois o professor alfabetizador tem a função de auxiliar na formação para o bom exercício da cidadania. Para exercer sua função de forma plena é preciso ter clareza do que ensina e como ensina. Para isso, não basta ser um reprodutor de métodos que objetivem apenas o domínio de um código linguístico. É preciso ter clareza sobre qual concepção de alfabetização está subjacente à sua prática.

Em sua fala aos profissionais da educação o prefeito Madeira foi enfático: “Graças ao esforço e a dedicação de vocês educadores é que temos os resultados indiscutíveis da melhora do Ensino em Imperatriz. Trabalharemos até o último dia dessa gestão com o mesmo afinco, lutando sempre para melhorar as condições de trabalho e a permanente formação de todos os envolvidos nesta jornada”.

Nenhum comentário

Leave a Reply