.

.

Assis Ramos entrega Mercado da Nova Imperatriz


Melhoram as condições dos feirantes e dos consumidores

Em um espaço amplo, confortável, limpo, seguro e totalmente reformado para feirantes e consumidores, o novo Mercado Municipal do Bairro Nova Imperatriz foi entregue à comunidade na manhã de ontem (3) pelo prefeito Assis Ramos. Localizado na Rua Amazonas, entre Santo Cristo e São Francisco, a estrutura possui rampas para acessibilidade, 30 boxes e banheiros.

Na inauguração, Assis mencionou a importância que o governo anterior teve na construção do mercado. “Para não sermos injustos, vale lembrar que essa obra foi começada e praticamente construída na gestão passada. Concluímos os detalhes finais, como banheiros, entre outros itens que não poderiam deixar de ser executados” – destacou.

O prefeito enfatizou que o novo espaço foi estruturado para os comerciantes e a comunidade em geral. “O local foi reformado, garantindo à cidade um novo mercado público, que fortalecerá ainda mais o comércio. Ainda faremos outras melhorias para ficar conforme desejamos” – ressaltou o prefeito.

Estiveram presentes o vice-prefeito Alex Nunes; o Procurador Geral do Município, Rodrigo do Carmo Costa; o presidente dos feirantes da Nova Imperatriz, Benedito dos Santos; o secretário de Governo, Marlon Moura; o secretário de Desenvolvimento Econômico, Eduardo Sousa, e demais secretários. O evento contou ainda com a participação da Câmara Municipal de Vereadores, representada pelos vereadores Paulinho Lobão (PDT), José de Arimatéria de Castro Ditola (PEN); Fábio Hernandez (PSC), Bebe Taxista (PEN), feirantes, clientes e comunidade em geral.

Para o secretário de Agricultura, Paulo Marcelo, é uma satisfação entregar o mercado à população, que “hoje proporciona bem estar, conforto e capacidade de atendimento para todas as pessoas que trabalham e moram nas redondezas do mercado”.

A obra foi recebida com satisfação pelos comerciantes, como afirma Maria Dagmar da Silva Gomes, de 61 anos, feirante no mercado há 30 anos. “A situação antigamente era crítica, já teve fez que eu ficasse praticamente sozinha trabalhando no local, correndo o risco de ser assalta, mas agora, com a reorganização por parte da Prefeitura, a situação tende a melhorar” – destacou.

Para os moradores do bairro, o espaço vai incentivar o comercio local e proporcionar mais segurança à comunidade. “Moro nesse setor há 35 anos e o número de usuários de drogas que antes frequentava o local aumentou simplesmente por causa do estado de abandono em que se encontrava, e com a nova estrutura, além de valorizar mais os imóveis das redondezas trará mais segurança para todos que vivem aqui”, afirmou o autônomo José Aparecido de Sousa.