.

.

Com câmara lotada, enfermeiros reivindicam a retomada dos seus serviços


Na manhã da última terça-feira a câmara de vereadores de Imperatriz ficou lotada de enfermeiros. A classe foi ver de perto a votação da nota de repúdio da câmara à justiça federal, que a pedido do conselho federal de medicina - CFM proibiu os enfermeiros de praticarem algumas ações.

A nota de repudio que é de autoria do vereador Ricardo Seidel foi aprovada por unanimidade e agora será encaminhada ao tribunal federal e  CFM.

Em sua fala o parlamentar abordou que essa decisão traz um atraso na saúde pública, pois as prefeituras brasileiras nao tem condições financeiras para aumentar de maneira significativa o número de médicos.