Detento preso por pedofilia é autuado por estupro de vulnerável


Erlan Lima de Sousa, 41 anos, preso em 21 de setembro 2017 no Bairro Vila Fiquene, com um celular, contendo vídeo e imagens de crianças peladas, tendo sido autuado pelo crime de pedofilia, Artigos 240 e 241- do ECA ( Estatuto da Criança e Adolescente) prestou depoimento nesta sexta feira na Delegacia Proteção Criança e Adolescente, ( D.P.C.A) tendo sido autuado pelos crimes de Estupro de Vulnerável, Artigos 217- A e 218-B.

O celular do mesmo após pericia no Incrim concluiu que as fotos e as imagens armazenadas em celulares, são imagens deles com crianças, inclusive as imagens de relações sexuais com meninas de 8 anos, Fairlano Azevedo, duas crianças que apareciam nos videos foram encontradas e prestaram depoimento.

No celular contia inclusive um vídeo dele mantendo relação sexual com uma garota de seis anos, em seus depoimentos as garotas disseram que ele alem de dar dinheiro, compravam para elas bolachas recheadas, elas também informaram que ele colocava filmes de homens e mulheres peladas quando praticava o crime. 

Somados as penas dos crimes do E.C.A, 240 241, C.P.B 217 E 218, somam 32 anos de prisão, Erlan Lima de Sousa, retornou para Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz, onde ficará aguardando a decisão da Justiça.