Ana Quitéria é indelicada com ela mesma na última seção ordinária do ano em tom de desespero ataca o prefeito Adão Carneiro


Indelicadeza e pouca civilidade é o que se pode dizer da postura da presidente da Câmara Municipal de São Franciscodo Brejão, em seção  realizada na última sexta-feira (15). A seção que condecorou personalidades da política, empresarial e cidadãos com relevantes serviços públicos, com títulos de cidadão brejãoenses.

Na oportunidade, com exceção  de Ana Quitéria, todos fizeram uso da palavra reconhecendo o trabalho realizado pelo prefeito Adão Carneiro, em síntese, a crise que assola a maioria dos municípios brasileiros em grande parte com atraso de salários e o não cumprimento constitucional do pagamento do décimo terceiro salário, em São Francisco do Brejão, as contas públicas encontram-se em dias e os investimentos públicos aconteceram em todas as áreas da administração municipal, diretamente ou em parceria com o Governo do Estado pela parceria Adão Carneiro e Flávio Dino. Estas mudanças são ignoradas pelo rancor inexplicável da então presidente do parlamento mirim brejãoense.

Durante a sua fala na seção da Casa Mirim, o prefeito Adão Carneiro agradeceu aos presentes pelo apoio e reconhecimento ao trabalho realizado neste primeiro ano de mandato e lamentou que nem todos tenham a grandeza de reconhecer o esforço conquistado mesmo diante da atual crise financeira. "Infelizmente nem Deus agradou a todos, estou administrando para agradar a população brejãoense e não atender de forma isolada os interesses individuais acima do interesse público", frisou o prefeito Adão Carneiro.