AVALIAÇÃO Quase 65% aprovam atual gestão municipal de Imperatriz


Guerra contra os lixões é a ação mais aplaudida pela população; Saúde melhorou para mais de 36%

O primeiro ano da atual gestão municipal de Imperatriz, chefiada pelo prefeito Assis Ramos, PMDB, tem a aprovação de 64,8% da população, segundo apurou a Escutec que ouviu 1.000 imperatrizenses nos dias 4, 5 e 6 deste mês, uma semana antes do Carnaval. A consulta foi feita com a finalidade de avaliar a percepção das pessoas sobre os diferentes serviços prestados, e para orientar o planejamento das futuras ações.
A sensação de que a gestão é presente é de 58,6% da população; de que ela é forte, é de 56,8%; de que é honesta, é de 58%; de que resolve, é de 59,2%; e de que é interessada, 70,8%. A Saúde, anteriormente dada como caótica, melhorou para 36,2% e piorou apenas para 14%; a Educação, melhorou para 37,2% e piorou para 13,2%; o trânsito está melhor para 43,4% e pior na avaliação de 21,2%.
Em todo os aspectos de cuidados para com a cidade, o grau de satisfação da população extrapola todos os índices registrados no passado: 71,7% dizem que as ruas estão mais limpas; 71,8% dizem que a coleta de lixo ficou mais eficiente; 71,2% afirmam que o serviço Cata Treco foi um acerto, e 73,2% aplaudem os resultados do enfrentamento aos lixões que se instalavam nos terrenos baldios da zona urbana.
Para as pessoas dos 60 ou mais anos de idade, a aprovação da atual gestão vai a 68,3%; os mais jovens, dos 16 aos 24 anos, aprovam em 65,7%. Pelo nível de escolaridade, as da faixa de ensino médio aprovam em 70%; as de nível superior aprovam em 61,6%; do fundamental, em 58,3%, e as de menos escolaridade em 59,4%. 
O maior grau de satisfação se dá na Grande Vila Nova (que inclui Vila Lobão, Redenção I e II e adjacências), com índice de 68% de aprovação; o Centro, que inclui Juçara e Maranhão Novo, vai a 67%; o Grande Santa Rira registra 65%; o Grande Bacuri, 64%, e a Grande Nova Imperatriz, 60%.
O prefeito Assis Ramos disse, ontem, que recebeu com alegria essa avaliação, “mas com a humildade de quem sabe que tem que acertar muito mais e de redobrar esforços em busca de soluções para os graves problemas estruturais de Imperatriz que se agravam justamente nestes dias de chuvas intensas”.
O prefeito observa que a Saúde, na percepção das pessoas, melhorou quase 3 vezes mais do que piorou. “Nossa dedicação é quase uma obsessão. Não temos recursos extras, são praticamente os mesmos do passado, mas o nosso salto de qualidade, tanto do ponto de vista da infraestrutura quanto da eficiência, é inegável. Fazemos valer cada centavo e nossa recomendação é a de que cada servidor interprete como sua a dor das pessoas que nos têm como a única proteção do seu bem maior, que é a vida”- observa Assis Ramos.