Defesa Civil interdita imóvel em área de risco e de proteção permanente


Imóvel em área de risco e de preservação permanente, na Rua Araponga, Bairro Morada do Sol, foi interditado na manhã desta terça-feira, 20, por agentes de fiscalização da Superintendência Municipal de Proteção e Defesa Civil. Segundo o órgão, a interdição foi feita em caráter preventivo e por apresentar perigo iminente de desabamento.

A construção, que fica às margens do riacho Bacuri, encontra-se com erosão e solo encharcado. Proprietária foi notificada para contratar mão de obra especializada e regularizar a demolição parcial do imóvel. O engenheiro civil da Defesa Civil, Felipe Jorge, explicou que órgão esteve no local para atender à família e realizar a vistoria técnica da área.

“A construção é rudimentar e com sérios riscos de desabamento, além de ter sido erguido em área de risco e de Proteção Permanente, APP. Pensando no bem estar dos moradores achamos melhor interditar o local por colocar em perigo a integridade das pessoas que habitam ali”, afirma.

Equipe da Superintendência Municipal de Limpeza Pública encontra-se na área desobstruindo o leito do riacho para facilitar escoamento da água e evitar o transbordamento principalmente em dias de chuva.