Balanço do 14º Batalhão apontam avanços positivos sobre comando Ten. Coronel Brito Junior


Um balanço realizado ao final do mês de abril apontou vários avanços relativos ao 14º BPM comandado pelo Ten Coronel Brito Júnior, que destacou as principais ações e avanços do batalhão no período de janeiro até agora. De acordo com os índices avaliados, o batalhão recuperou 18 motocicletas só no mês passado, cumpriu 35 mandados de prisão e não registrou nenhum homicídio durante todo o mês de abril.

 Durante o ano de 2018 já foram apreendidas 34 armas de fogo na área de circunscrição do 14º BPM, além de 22 prisões por tráfico de drogas que resultaram na desarticulação de varias bocas de fumo e pontos de venda de produtos entorpecentes.


Conforme os dados analisados, houve controle e redução de criminalidade em vários bairros, a exemplo da Vilinha que atingiu 184 dias sem assalto a comércios, Vila Redenção com 145 dias, Vila Cafeteira com 137 dias, Vila Nova com 140 dias sem registros, Vila Fiquene com 132 dias, além de vários outros bairros que alcançaram boas metas, através da intensificação do policiamento e das operações constantes. 

Houve também redução nas ocorrências de homicídio nos bairros onde havia mais vulnerabilidades, a exemplo do bairro Vila Redenção que contabilizou 167 dias sem ocorrência de homicídio, seguido pelo bairro Vila Nova que não registrou nenhum crime de homicídio nos últimos 140 dias e o Parque Senharol que atingiu 102 dias.


As avaliações abrangeram também as cidades de Senador La Rocque que registrou 122 dias sem homicídio, Davinópolis que manteve 44 dias sem esse tipo de ocorrência e João Lisboa com 30 dias em paz.

O batalhão alcançou a marca de 481 dias sem nenhuma ocorrência de assalto à instituições financeiras, o que de acordado com o comandante Ten Cel Brito Jr, reforça as melhorias e avanços do policiamento na região e a garantia da segurança pública sob a área abrangida pelo 14º BPM, graças às constantes Operações que ocorrem durante o dia, a noite e também na madrugada, visando garantir a sensação de segurança aos cidadãos e reduzir cada vez mais os índices de criminalidade na região.