Motorista que causou a morte de advogado em acidente de transito foi autuado por homicídio culposo


O motorista da S10 branca, Warlei Alves do Nascimento, de 34 anos, que provocou o acidente após invadir preferencia e causando a morte do advogado Gildenor Santos Lima, 59 anos,  e ferindo um motociclista, após invadir a preferencia, foi autuado por homicídio culposo qualificado, previsto no artigo 302, parágrafo 3º do Código de Trânsito, quando a pessoa comete um homicídio no trânsito, sob efeito de bebida alcoólica. A pena para este tipo de crime é de cinco a oito anos reclusão em regime fechado.

Na tarde de quinta feira(09)  Warlei Alves, foi encaminhado para Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz, UPRI-1, antes foi levado para IML para fazer exame de corpo delito, Warlei deve participar de uma audiência de custodia na sexta feira.