Pezão sofre a segunda tentativa de homicídio no período de seis meses


Leandro Botelho, mais conhecido pelo apelido de Pezão, sofreu a segunda tentativa de homicídios no período de seis meses, a primeira vez ele foi alvejado com um tiro na perna, só não morreu porque era de madrugada e ele se escondeu no matagal, a segunda foi em Davinópolis na noite de segunda feira(27). 
  

A de ontem aconteceu próximo a Escola Francisco Alves, Pezão, foi alvejado com quatro tiros, a ambulância do Samu foi quem socorreu a vitima até em estado grave para  Socorrão Municipal em Imperatriz.

Na primeira tentativa foi em 24 de novembro de 2018 no município de Ribamar Fiquene, ele estava num veiculo com amigo de nome Jardel Fernandes da Silva, de 21 anos, esse ultimo foi morto dentro do veiculo, numa estrada vicinal da Folha Larga, Pezão foi baleado na perna, os assassinos estavam em uma moto. Pezão foi operado e encontra em estado grave.  

Na segunda feira(27) em Imperatriz também houve uma tentativas de homicídios por volta das 18 hrs na Rua Padre Cicero, Bairro Santa Rita. A vitima de nome Rodrigo da Rocha, foi alvejado com três tiros, no ombro, perna  e costa, informações que eram dois elementos em uma moto, a vitima foi socorrida pelo Samu para Socorrão Municipal.

Nos últimos dez dias esse foi a quinta vitima de disparos de arma de fogo na região do grande Santa Rita. em todas elas os bandidos estavam em uma moto Biz vermelha, até agora nenhum suspeito foi preso.