Preso por baderna é encontrado morto em cela na 10ª Delegacia Regional de Policia Civil de Imperatriz


Nas primeiras horas da manhã desta segunda feira, foi encontrado o corpo de Leandro Tavares de Sousa, 26 anos, Leandro estava dividindo a cela com outro preso, na 10ª Delegacia Regional de Policia Civil, o mesmo tinha sido preso na tarde de domingo(16) pelo crime de baderna, tendo inclusive quebrado tudo dentro da residencia de sua mãe. 

Após quebrar as coisas na residencia da mãe ele teria feito baderna em uma Igreja, populares informaram a policia, que logo fez a prisão dele e apresentou no Plantão Central, informações que Leandro era usuário de drogas.

A pericia do Incrim esteve fazendo os primeiros levantamento do corpo no local, não foi constado nenhuma agressão pelo corpo, o corpo foi removido para Instituto Medico Legal, para um exame mas detalhado do que teria provocado a morte, o laudo cadavérico constatou que Leandro teria morrido causado por uma overdose de drogas. 


A polícia foi acionada para conter o homem, e ele ficou detido. Nessa segunda-feira, foi encontrado morto. De acordo com a perícia, a morte de Leandro foi provocada por uma overdose de droga. O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal, IML.

Quando da prisão de Leandro, foi constado que ele estava usando uma tornozeleira eletrônica, estava em liberdade condicional, pelo crime de acordo com a Lei Maria da Penha.