Idosa com passagem por tráfico é presa acusada de estelionato


A Policia Civil, através d0 1ºDP/10ªDRI, realizou a prisão preventiva  e busca e apreensão domiciliar em desfavor de ELEUSA GOMES DA SILVA, suspeita de estelionato e uso de documentos falsos.

Com uma falsa carteira de identidade em nome de outra mulher, mas com sua fotografia, ELEUSA realizou empréstimos com desconto sobre benefício previdenciário da vítima e abriu uma conta bancária, em nome da mesma pessoa, para onde direcionou os depósitos dos empréstimos e de cuja conta recebeu cartão, senhas e tudo o necessário para a movimentação, quase cem mil reais, sacados ou transferidos para contas de outras pessoas, possivelmente envolvidas ou que tiveram seus documentos também falsificados e usados para abertura de contas bancárias também do mesmo modo movimentadas pelos golpistas.

Além da falsificação de documentos e abertura de contas, para a realização dos delitos os criminosos se utilizaram de linhas telefônicas, Igualmente em nome de terceiros não envolvidos, para movimentação das contas através de aplicativos dos bancos instalados em seus celulares.

O golpe revela certo grau de sofisticação, o que levou a Polícia a concluir que ELEUSA não é autora intelectual do crime e muito menos única envolvida, já que não parece apresentar características para tanto, tendo sido apenas um entre tantos indivíduos que foram cooptados para a prática deste tipo de estelionato, de que tem tido notícia com certa frequência a Polícia Civil, através de registro de ocorrências por bancos e clientes prejudicados. 

O caso segue em investigação, para a identificação de outros envolvidos e outros casos são objetos de apuração. ELEUSA já foi presa anteriormente, por tráfico de drogas.