Eliziane visita Casa da Mulher Brasileira e destaca importância da ampliação de políticas públicas para as mulheres maranhenses

Nesta sexta-feira, dia 14 de fevereiro, a senadora Eliziane Gama esteve na Casa da Mulher Brasileira em São Luís para tratar sobre projetos e políticas públicas para mulheres maranhenses.

A parlamentar foi recebida pela Dra. Lúcia Helena Barros Heluy da Silva, Juíza da 2ª Vara de Proteção a Mulheres do Tribunal de Justiça do Maranhão que apresentou o Projeto “Não morra Maria da Penha”.

De acordo com Dra. Lúcia Helena, o Projeto “Não morra Maria da Penha” tem papel fundamental no fortalecimento da rede de proteção à mulher. Ela informou que a proposta é levar o projeto também para os municípios do interior do Maranhão.
 “Todos os processos da 2ª Vara de Proteção a Mulheres são de urgência. Infelizmente muitas mulheres por causa do medo e de questões financeiras se submetem a situação de violência. Precisamos tratar esse tema com seriedade e fazer várias frentes de combate”, destacou a juíza.


Eliziane Gama manifestou apoio ao projeto e destacou a necessidade de levar essa proposta de prevenção para outros setores da sociedade, como o segmento evangélico.

Em seguida, a senadora maranhense conversou com a diretora da Casa da Mulher Brasileira, Susan Lucena sobre a ampliação do projeto “Nasce Um Estrela”, que tem o objetivo de dar mais autonomia para as mulheres maranhenses.

Eliziane Gama também participou do Encontro de Organismos de Políticas para mulheres realizado na Casa da Mulher Brasileira que contou com a presença de gestoras de todo o Estado do Maranhão e foi coordenado pela secretária de Estado da Mulher, Ana Mendonça.

“Feliz de ver tantas mulheres engajadas na luta por mais políticas públicas para as mulheres maranhenses. Podem contar comigo e com o meu apoio”, destacou Eliziane Gama.