Dupla é presa acusada de crime cibernete

 Notícia da Foto 22/03/2021


através da 10ª DRPC, por intermédio do Grupo de Pronto Emprego - GPE de Imperatriz prendeu em Flagrante Delito os nacionais G.S.J. e H.S.C. pelo crime de ESTELIONATO (CRIME CIBERNÉTICO).


H.S.C. entrou em contato com a Associação Comercial do Amazonas dizendo ser do suporte do Banco do Brasil e, falando com a gerente financeira, conseguiu acessar remotamente os dados bancários da Associação. Neste momento, H.S.C. transferiu R$36.000,00 (trinta e seis mil) para a conta de G.S.J, agência de Imperatriz/MA.


O GPE tomou conhecimento da fraude e localizou G.S.J. no momento em que ele tentava sacar uma quantia na boca do caixa. Ele afirmou ter emprestado a conta para H.S.C. e que receberia R$1.000,00 (mil reais) como pagamento. Após diligências, H.S.C. foi localizado em sua residência, na Vila Redenção II.


Os mesmos foram conduzidos até à Delegacia Regional e onde serão encaminhados à UPRI, ficando à disposição da justiça.


Contamos sempre com a colaboração da população através do disk denúncia (99) 98475-5975. Anonimato garantido.