RIO TOCANTINS Ribeirinhos são transferidos para abrigos

Nível do Rio Tocantins, em Imperatriz, voltou a subir nesta quinta-feira, 8, e deixou famílias ribeirinhas desabrigadas. Até o momento,  monitoramento da Superintendência Municipal de Proteção e Defesa Civil registra elevação de sete metros acima do leito normal. Em parceria com as secretarias municipais de Infraestrutura, Limpeza, Planejamento Urbano, e Agricultura, equipe da Defesa Civil auxilia na mudança dos moradores atingidos para o Parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva e e residências de familiares.

O superintendente da Defesa Civil, Josiano Galvão, disse que a vazão do rio vai aumentar até o fim de semana. “Estamos trabalhando diuturnamente na retirada dessas famílias e alojando no parque de exposições. Moradores que preferiram ir para casa de parentes, amigos ou outra localidade, também estão recebendo apoios de todos os órgãos envolvidos” - enfatiza.

Cerca de 50 famílias dos bairros Porto da Balsa, Caema e Curtume já tiveram as casas alagadas e foram retirados. "Todos estão cientes da possibilidade de enchente, entretanto, há aqueles que resistem em deixar suas casas. Até o momento 46 famílias já se retiraram" - afirma o superintendente.
O Parque de Exposições recebeu limpeza e dedetização nos abrigos para receber as famílias. O prefeito Assis Ramos agradece o "apoio de todas as instituições que se disponibilizaram em ajudar os ribeirinhos, como o Corpo de Bombeiros, pelo auxílio na remoção dos moradores, e o espaço cedido pelo Sindicato Rural de Imperatriz".

No início da semana, ribeirinhos foram alertados sobre o risco de enchente. "O rio subiu muito rápido, fomos avisados pela Defesa Civil a tempo e estamos recebendo toda a assistência da prefeitura nesse momento" - destacou a moradora Luciana Trajano.