Deputada Valéria Macedo visita os gerais de Balsas e defende a retomada do asfalto no Anel da soja


Por: John Cutrim
A deputada estadual Valéria Macedo e seu irmão deputado federal Deoclides Macedo, acompanhados do advogado Marco Aurélio Gonzaga, do vereador de Balsas Gilson da Bacaba, da liderança Ribeiro e de suas comitivas visitaram no último 12/07/18 o Povoado Baixa Funda, que fica nos campos gerais de Balsas. Da cidade de Balsas até o povoado são mais de 300 KM, sendo mais da metade de estradas vicinais, já na divisa com o vizinho Estado do Tocantina, onde está cravado o Povoado da Baixa Funda, para onde a deputada estadual Valéria Macedo mandou uma Patrulha Agrícola ainda no ano passado (2017), com o objetivo de melhorar a produção dos pequenos agricultores e lavradores daquela longínqua região maranhense.

O caminho da Baixa Funda é longo e densa e abundante é a poeira. O Anel da Soja ficou inconcluso e precisa ser retomado. O acesso é difícil, mas o povo é bom e cheio de esperanças e hospitaleiro. As belas paisagens são marcantes, os animais silvestres fugindo do homem e de suas máquinas, as nascentes de água, riachos e até nascentes de rios pedindo socorro. As roças enormíssimas de soja, algodão, milho, mileto, dentre outras culturas na Batavo, na Serra da Penitência destacam-se na paisagem do cerrado maranhense. A degradação ambiental é visível. E as nascentes dos rios e encostas pedem socorro aos homens e as autoridades, inclusive as nascentes do Rio Balsas que dão nome ao município.

Embora alguns benefícios da modernidade como energia elétrica, posto de saúde e escola já tenham chegado com muita precariedade ao povoado da Baixa Funda, alguns através do empenho do vereador Gilson da Bacaba e da deputada estadual Valéria Macedo, como, por exemplo, é o caso da patrulha agrícola encaminhada, a população estimada em 100 famílias vivem com muitas dificuldades. Nunca antes haviam recebido uma patrulha agrícola, e mesmo a simples visita de uma deputada estadual. A população da Baixa Funda clama por estradas, apoio técnico para produção, por habitações, por condições boas de saúde e de educação e outros serviços públicos, os quais ficam muita distante de suas vidas e de seu lugar.

A deputada estadual Valéria Macedo (PDT) e sua comitiva, viajaram o dia inteiro e chegaram a Baixa Funda ao cair da tarde. Foi recepcionada pelas lideranças da localidade Salomão Lima, Manoel Claro Cordeiro da Silva, o “Léo”, a Professora Paula, os responsáveis pela patrulha José de Orozino e Léo, a Professora Aparecida, Deuziano, Antonio da Silva Macedo.

“Antes da deputada estadual Valéria Macedo e do deputado federal Deoclides Macedo, aqui na Baixa Funda nunca tínhamos recebido um deputado estadual ou federal, e muito menos tínhamos recebido uma ação concreta de uma deputada. A Valéria fez as duas coisas. Veio aqui pessoalmente nas estradas difíceis e, ainda, mandou uma patrulha agrícola para nós pequeno produtores da região”, disse o morador Antonio da Silva Macedo.

Após ouvir as lideranças e a história do povoado, Valéria contou sobre a sua trajetória política, com destaque para as bandeiras da saúde, educação e agora, mais efetivamente, em virtude das demandas e da necessidade de prosperar o homem do campo grandes e pequenos, pleiteando melhorias para os agricultores e para as estradas da região.

“Estávamos já desacreditados que algum político iria olhar para nós aqui nessa distância. Eles querem os votos, mas não tem coragem de virem aqui conversar com o povo. A deputada Valéria provou que é diferente e não tem medo de trabalho, e é por isso que todo mundo aqui da Baixa Funda está com ela. Um ou outro até mandou alguma coisa, mas vir aqui, ver de perto como nós vivemos, enfrentar nossas estradas que é bom, não. Ninguém havia se habilitado. Só essa mulher, com o marido dela Dr. Marco Aurélio Gonzaga, e seu irmão e também deputado federal Deoclides Macedo, é que tiveram coragem”; declarou Manoel Claro Cordeiro da Silva, o “Léo”.

Em seguida, a deputada estadual Valéria Macedo conheceu, in loco, a estrutura do povoado, compreendendo escola e o posto de saúde viu que o povoado precisa de investimentos e atenção dos governos.

“Eu estou feliz por meu nome e meu trabalho ter chegado nos gerais de Balsas, em povoados como a Batavo, a Baixa Funda, que ficam nos gerais de Balsas e, ainda, na região da Sucupira já no município de Riachão, todos na região do chamado Anel da Soja. Foi uma grata surpresa, saber pelos moradores que sou a primeira deputada estadual a ter coragem de chegar à Baixa Funda. Mas a minha missão é ir aonde sou chamada e levar esperança e levar soluções. Essas pessoas nunca tinham falado com um parlamentar estadual, antes de mim. Farei tudo o que eu puder para honrá-los e proporcionar dignidade, cidadania e qualidade de vida”, declarou admirada, a deputada estadual Valéria Macedo.

O vereador de Balsas Gilson da Bacaba disse que “os gerais de Balsas e seus diversos povoados é a região de Balsas com os piores serviços públicos do município. Uma contradição sem tamanho: a região mais produtora do estado com serviços públicos municipais e estaduais precários e insatisfatórios”, concluiu o parlamentar. O Edil acrescentou “venho travando uma luta pela preservação das nascentes do Rio Balsas e das várias outras nascentes dos gerais, e para isso tenho contado com o apoio da deputada estadual Valéria Macedo”, disse.

Para a deputada Valéria “o maior desafio dos gerais de Balsas e da região da Sucupira em Riachão são as precárias condições das estradas, tanto as vicinais como as Rodovias estaduais, ou seja, a falta ou a precariedade das estradas unem produtores pequenos, médios e grandes. Todos clamam atenção para as estradas vicinais ou das próprias Rodovias da região. Aliás, a retomada do projeto do Anel da Soja, que teve sua primeira fase concluída pelo Governador Flávio Dino, é um exemplo que une de grandes produtores a pequenos e, por isso mesmo, precisa ser retomada com urgência”, concluiu.