Em visita ao Socorrão, Vereador Adhemar Freitas constata falta de serviço de limpeza em leitos de enfermaria

 Notícia da Foto 18/03/2021


O chão sujo e os curativos soltos pela enfermaria denunciam a ausência do serviço de limpeza no Hospital Municipal de Imperatriz. Após receber a informação, o Vereador Adhemar Freitas Júnior (Solidariedade) realizou uma visita na tarde da última quarta-feira (17) para fiscalizar a situação, e conversar com pacientes e acompanhantes que confirmaram o problema. De acordo com depoimentos, o serviço não é feito há mais de uma semana.


“Recebi dezenas de denúncias através das redes sociais feitas por pacientes e acompanhantes. É preciso que o poder público olhe com mais carinho para os pacientes do Socorrão. Não há como se falar em atendimento acolhedor, se o mínimo não está sendo feito. Em tempos de pandemia da Covid-19 é preocupante que o maior hospital público de Imperatriz não esteja sendo limpo constantemente”, ressaltou o Vereador.


Maria do Socorrro acompanha sua parente enferma no HMI desde o início da semana, e explica: “chegamos aqui segunda-feira e até agora essa enfermaria não foi limpa uma vez sequer. A gente que compra os produtos de limpeza e faz o serviço. Acaba sendo perigoso porque é um ambiente que circula muita gente doente. Ontem tive que eu mesma jogar uns algodões sujos de sangue no lixo porque ficaram por aí”.


Após visitar as enfermarias, Adhemar Júnior esteve em reunião com o diretor do hospital que  garantiu estar a par da situação e que irá resolver o problema. Na oportunidade, o Vereador questionou também a falta de medicamentos básicos aos internados, e a demora na resolução do problema da máquina que realiza exames de tomografia. Segundo Vitor Pachelle, até esta sexta-feira (19) os exames voltarão a ser feitos.


“Estarei vigilante e fiscalizando as denúncias recebidas. Precisamos garantir que o serviço de saúde municipal funcione da forma correta e com respeito às pessoas quando elas mais precisam”, destacou Adhemar Júnior.


ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO